Dicas de economia doméstica

Com o salário que recebemos, independentemente de ser através de um fixo ou de um freela, nem sempre é suficiente para manter/pagar às despesas da casa. É necessário planejamento para controlar bem os seus gastos, de modo que o dinheiro possa render até o fim do mês e sobrar ainda.


Se você encontra-se nessa situação difícil para controlar os seus gastos, veja agora mesmo algumas dicas de economia doméstica. Hoje em dia, nas escolas ainda não temos aulas de educação financeira, o que poderia ajudar bastante. Mas hoje vamos mostrar hábitos simples que, de repente, podem lhe proporcionar uma boa economia.

Lidando com os gastos e economizando

Antes de iniciar a tarefa de controle de gastos, é mais do que necessário que você saiba o que, de fato, gasta por mês. Após fazer esse balanço, você terá uma listagem do que gastou porque era necessário e do contrário disso. Então, essa é a primeira dica para driblar as despesas de uma casa: colocar tudo na ponta do lápis!

Feito isso, é hora de analisar, por exemplo, como é feita a compra de alimentos, utensílios domésticos e afins. Se você compra aos poucos, toda semana, ou seja, compras de última hora e em qualquer lugar, você possivelmente está perdendo dinheiro aí.

O ideal é fazer uma compra mensal em algum local com preço acessível e de qualidade. Você até pode comprar semanalmente, desde que seja buscando as promoções que surgem.

Outra conta que pesa bastante no orçamento é a de energia elétrica. Às vezes, deixamos, sem querer, uma luz acesa, a televisão ligada sem estarmos prestando atenção e por aí vai...vai "rolando" um gasto desnecessário! Portanto, procure ser mais cauteloso e atencioso para não esquecer a luz acesa ou mesmo deixar a tv ligada sem assistí-la.

Você também pode economizar e contribuir com o planeta poupando água. Ao escovar os dentes e lavar a louça, por exemplo, feche a torneira. O desperdício é prejudicial não só para o seu bolso, mas também para a Terra.

Procure não desperdiçar alimentos. Um bom exemplo disso é a casca da batata que pode ser frita e consumida em alguma refeição, sem ir para o lixo "gratuitamente". Sobrou pão? Use-o para fazer torradas, farinha de trigo ou frite-o na manteiga que ficará uma delícia!

Essas são práticas simples e questões totalmente habituais. Com o tempo, você vai aprendendo a reaproveitar e pensando em maneiras de economizar, afinal, essas foram apenas algumas dicas.

Faça o teste e veja no próximo mês a maravilha de economia que fez!

Gostaram das dicas pessoal? Dúvidas e sugestões podem deixar nos comentários!

Nenhum comentário

Postar um comentário